2010/10/19

WHB (We Have Band)

Se há sonoridade que nos últimos anos tem tido um grande crescimento e que, por consequência, tem feito as delícias de muita gente, é mesmo o casamento entre o rock e a electrónica. Não que seja algo característico do século XXI, mas efectivamente a facilidade com que hoje os meios informáticos estão à disposição das pessoas, serve precisamente para rearranjar, de forma moderna, o que se fazia lá pelos idos anos '80, utilizando apenas um computador, software e o mínimo material indispensável. Um dos vários exemplos de casamentos bem sucedidos é o álbum de estreia dos Britânicos We Have Band, simplesmente intitulado 'WHB'.

Conhecidos por temas e alguns singles lançados ao longo dos últimos 2 anos, como por exemplo, "Oh!", "Hear It in the Cans", "Time After Time", "You Came Out" e o seu respectivo lado-B "West End Girls", um excelente cover dos Pet Shop Boys, este sensual trio punk-funk finalmente lançou há uns meses atrás seu mais que aguardado álbum de estreia.

O álbum basicamente segue a sonoridade já traçada ao longo destes 2 anos, o que é sempre positivo não fossem aparecer surpresas diametralmente opostas como acontece com algumas bandas que se lembram de "inovar", perdendo toda a sua graça e força outrora apresentadas. Uma série de temas mais que dançaveis com o fio condutor do electro-rock a deixar muita gente ligada à corrente.

Sem dúvida um dos grandes álbuns-début de 2010, sem grandes armarices e com grandes temas à cabeça, para além de alguns já acima citados, como por exemplo, "Divisive" (possivelmente um dos temas que mais passei este ano), "Love, What You Doing?", "How to Make Friends", "Honeytrap" e "Centrefolds & Empty Screens".

Recomendado!

We Have Band em concerto, no próximo dia 6 Nov, no MusicBox, em Lisboa.


..:: Automatic English (bad) Version powered by Google.

2 comentários:

cunha disse...

Olá...antes de mais muitos parabens pelo espaço!Quanto ao review que fizeste, concordo quase na totalidade...tenho o album desde o dia de lançamento e realmente prende, e foi com bastante curiosidade que fui a paredes de coura, ver e ouvir alguns nomes onde se incluia WHB...e na minha opinião foi desastroso sem essência alguma!Não vou poder estar na musicbox, mas espero por quem vai estar, que o concerto seja muito diferente!O album é bom, mas transferir isso para o palco nem sempre corresponde às nossas espectativas!

Cumprimentos e mais uma vez parabéns pelo blog.

Kraak disse...

Cunha :) Obrigado pela tua visita e pelas tuas simpáticas palavras. Já visitei o teu blog e agreguei-o na minha lista de "likes" no Facebook. Tens um espaço muito interessante também! :)

Pois, tal como tu, estou com algumas reservas relativamente a ver os WHB ao vivo. Vamos ver como irá correr.

Hugz!